Quem nos separará do amor de Cristo? Cláudio Conceição

Quem nos separará do amor de Cristo? Cláudio Conceição

outubro 7, 2016 0 Por Cláudio Conceição

amor de cristo

         “Quem nos separará do amor de Cristo?”
                                   (Rm. 8:35)
 
          Deus não mantém nenhum filho Seu imune aos problemas; antes no afirma: “Em toda a sua angústia estarei com ele”(Sl. 91:15). Não importa quais os problemas que dominam toda a sua vida; por mais graves que sejam, nenhum deles podem nem devem poder destruir seu relacionamento com Deus. Em todas estas coisas, porém, somos mais que vencedores. Paulo não fala de situações hipotéticas, mas de incidentes terrivelmente reais que ele próprio viveu, e que igualmente cada um de nós, viveu ou viverá; e ele diz que somos muito mais que vencedores entre elas; não pelas nossas habilidades nem pela nossa coragem, nem por qualquer outra coisa, senão pelo fato de que nenhuma delas nos podem afetar, nem a nós, e tão pouco o nosso relacionamento com Deus se mantido em Jesus Cristo.
         Para bem ou para pior, estando onde estivermos, exatamente nas condições nas quais nos achamos. Tenhamos dó do cristão que não tem em sua vida alguma circunstância ou coisa adversa e indesejada.
“Será tribulação…?” – Tribulação nunca é coisa boa; mas a tribulação, seja lá qual for — exaustiva, amarga, cansativa — não nos poderá separar de todo o amor de Deus. Nunca permita que cuidados ou tribulações o separem da certeza indestrutível, inabalável de que Deus o ama ainda (Mt. 13:22).
“Ou angústia…?” – Poderá o amor de Deus sustentar-se e manter-se, ainda em nós, quando tudo nos diz que seu amor é uma mentira, uma farsa e que essa coisa chamada justiça não existe em lado nenhum?
“Ou fome…?” – Poderemos nós, não só crer no amor de Deus, como ser mais do que vencedores, mesmo quando estivermos famin­tos e exaustos?
        Ou Jesus Cristo é um mentiroso e Paulo foi um homem iludido por Ele, bem como os doze discípulos e esta fé mentirosa, percorreu as gerações vindouras, até chegar hoje, agora aí, em seu coração? Não, essa fé é verdadeira e poderosa e nos faz mais do que vencedores contra tudo e contra todos. Coisas extraordinárias acontecem àquele que se firma no amor de Deus, mesmo quando tudo parece contrário ao caráter de Deus. A lógica silencia-se diante de cada uma dessas circunstâncias atrozes e sem explicação. Não há outra explicação, a não ser o amor de Deus que está em Cristo Jesus e dentro de nós. “Das próprias ruínas me levantarei” sempre, pois há uma força vive que me faz levantar mesmo quando tudo e todos dizem: acabou! Este é o fim dele. Mas, ainda ouço esta potente voz a dizer-me: “Eu sou o alfa e o Omega, o principio e o fim” e ainda não é o fim para você
Um bom dia com Jesus.
Cláudio Conceição
 
                                    ATENÇÃO:
Repasse este DEVOCIONAL para um amigo; abençoe o Dia de alguém;
Se você recebeu este e-mail de algum amigo, e deseja recebê-lo diariamente, mande um e-mail para: jornalrgg@gmail.com
Leia o jornal RIO GRANDE GOSPEL – 12 anos
Siga-me noTwitter: www.twitter.com/claudio_rgg
Fone: (051) 96913159
Facebook Comentarios