sonia cesar
Mensagens Românticas

O perigo de julgar antecipadamente – Sônia César

sonia cesar

O Perigo do Julgamento

 

A palavra de Deus é muito clara quando diz: Não julgueis, para que não sejais julgados (Mateus 7:1)

É muito perigoso tomar uma posição de julgamento com seus próprios argumentos pra definir a conduta dos outros. Com que autoridade achamos que temos o direito de apontar o dedo e dar lições de conduta? As pessoas se colocam em uma posição de santidade pra fazer julgamentos, sem cuidado com os transtornos que podem causar. Cuidemos aqui de observar que estamos tratando de julgar a conduta dos outros e não de julgar a doutrina que está sendo lançada.

 

E tem diferença? Sim, muita, você deve observar com cuidado o que está ouvindo e fazer uma análise bíblica do que foi dito e ai sim, concordar ou discordar do que está sendo exposto. Mas veja que seu argumento de analise é a Bíblia a palavra de Deus, o que não estiver absolutamente de acordo com a palavra de Deus, lança fora, só absorva e aceite aquilo que é proveniente da parte de Deus e ai poderá sim fazer avaliações pertinentes. Veja que se não for acrescentar melhor não se manifestar.

 

Outros cuidados que devermos ter, especialmente se Cristão for, não pegar passagens isoladas da Bíblia sagrada pra justificar seu poder de juiz sobre os, seus amigos e irmãos, entre outros.

 

Porque com o juízo com que julgardes sereis julgados, e com a medida com que tiverdes medido vos hão de medir a vós.

 

E por que reparas tu no argueiro que está no olho do teu irmão, e não vês a trave que está no teu olho? (Mateus 7:2-3)

 

Veja como não devemos esquecer a responsabilidade que nos cabe, com nossa conduta, com nossos atos, com nosso viver, com nosso testemunho de vida, lembre-se que o seu testemunho não pode ser diferente da sua fala, ainda que você não se importe, estará sendo visto e ouvido e porque não dizer sendo também exemplo pra muitos.

 

Julgamento é uma coisa tão séria, que observem bem a clareza no texto, nos dizendo que devemos ficar atentos a aparar as arestas dos nossos próprios olhos, devemos ter o cuidado de; antes de falar de nosso próximo, nos analisarmos criteriosamente primeiro.

 

Nos enchemos de tanta propriedade, uma santidade hipócrita, que pra resolver os problemas dos outros, pra ter um opinião sobre tudo da vida dos outros, pra condenar ou absolver os outros não nós falta motivação e palavras, elas saem rápido, que quando nos damos conta já foi. Tomamos partido e ai somos corretos e absolutos que sempre esquecemos que a história normalmente tem dois lados e cada um conta sua versão como bem entende. Quanto zelo dispensamos aos outros, quando as vezes tá faltando zelo por nós mesmo. Veja que com isso devemos cuidar de estar atentos para as coisas de Deus e cuidar da nossa própria língua e de nossas vidas, de sermos polidos e cuidadosos, de termos noção das consequências de nossos atos e palavras. O achismo é o caminho mais curto para o erro.

Vamos nos municiar de sabedoria do altíssimo e buscar prudência ao falar, ao ser critico, para que tudo quanto viermos a dizer seja para a honra e glória do nosso Deus. Vamos buscar conhecimento e sermos edificados e edificarmos o nosso próximo, santidade é um objetivo a ser alcançado, é uma busca constante, lembre-se que pecamos por ações, por palavras, por pensamentos, então tenhamos cuidado antes de resolvermos ser justos juízes dos outros.

Facebook Comentarios

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *