Não sai na mídia: Finalmente solto o Pastor preso na China por 7 anos

 

Pastor chinês Zhang Rongliang, também conhecido como Tio Z, informa que os sete anos e seis meses que passou na prisão foram uma época fecunda de ministério. Zhang ainda se recupera de graves problemas de saúde após cumprir sua pena total em 31 de agosto de 2011. Ele foi imediatamente internado em um hospital por 15 dias onde os médicos monitorado a pressão de Zhang arterial elevada e diabetes.

No início de dezembro 2004 Zhang desapareceu, e, eventualmente, o governo chinês admitiu que o tinha sob custódia. Zhang foi condenado a sete anos e seis meses de prisão por posse e uso de um passaporte falso – o que normalmente implica uma pena de seis meses. Pessoas e organizações em todo o mundo pressionaram os líderes comunistas chineses para liberar Zhang. Milhares de pessoas escreveram cartas e rezou enquanto várias organizações trabalharam para garantir a sua libertação.

“Estou feliz que você e outros tentaram arranjar para a minha libertação, mas de uma forma, estou feliz que você falhou”, disse Zhang um contato VOM na China. “Você quase cometeu um grande erro. Se você tivesse sido bem sucedida, não haveria igreja na prisão hoje. “

Os cristãos chineses não estão autorizados a visitar as prisões ou iniciar prisão ministérios de evangelismo, então Zhang ministrou a todos que podia enquanto estava na prisão – presos, agentes penitenciários e funcionários que ele nunca poderia ter conhecido fora da prisão. Mais de 5.000 homens viviam na prisão com Zhang, e muitos deles eram capazes de ouvir a boa notícia de Jesus Cristo.

Zhang, um dos fundadores de uma das maiores igrejas da China com mais de dez milhões de membros, tem sofrido perseguição constante para o seu ministério na China. Zhang foi preso cinco vezes e passou cerca de um quarto de sua vida na prisão.

Em uma entrevista recente, um contato VOM perguntou sobre a experiência de Zhang prisão mais recente.

pastor_zhang

Foto prisão
Pastor Zhang quando ele ainda estava na prisão.

Tio Z, a maioria das pessoas que eu conheço têm a mesma pergunta para você – Como você pode suportar prisão por tantos anos?

Primeiro deixe-me dizer que enquanto eu estava na prisão, lembrei-me da nossa amizade e as vezes que você ajudou a nossa igreja. Eu podia sentir dentro do meu coração que você estava fazendo algo para tentar me ajudar. Além disso, eu acreditava que muitas pessoas e organizações e os governos do Ocidente estavam falando sobre minha situação.

Para responder à sua pergunta, eu quero lembrá-lo que na minha vida, eu se acostumaram a viver na prisão. Esta é a quinta vez que tenho estado em prisão. Então agora, você vê, eu passei um quarto da minha vida na prisão e, de certa forma eu precisava de se adaptar, de se habituar à prisão.

A segunda resposta a esta pergunta é que o tempo todo eu estava na prisão, eu sabia que muitos irmãos e irmãs cristãos estavam orando por mim constantemente. Então eu tive força para superar.

Finalmente, quero lembrá-lo que o nosso movimento da igreja há anos enviou missionários para os grupos de povos não alcançados da China e mais recentemente para os povos muçulmanos do mundo. Os missionários deixar suas casas para ir a um novo ambiente. Eles pregam o evangelho na área onde eles são chamados para pregar. Você seguiu o chamado de Deus para a China. Eu sou o mesmo que você. Considero-me e eu me tratar como alguém que é um missionário. A diferença é que Deus me chamou para pregar aos presos.

Você sabe, nenhum cristão pode ir para as prisões da China para ter um ministério. Nós não podemos ir para testemunhar aos prisioneiros. Não podemos ir para discipliná-los na fé. Se um cristão quer pregar na prisão, deve haver uma razão para ele ir para a prisão. Eu preguei a muitas, muitas pessoas durante os mais de sete anos eu estava na prisão. Eu pregava não só aos presos comuns, mas também conheci muitos oficiais do governo, enquanto eu estava na prisão. Eu conheci muitos líderes empresariais. Estes eram funcionários altamente colocados, eles não eram criminosos comuns. Eu compartilhei o evangelho com eles na prisão, e muitos deles receberam do Senhor. Então eu batizou dentro da prisão. Os prisioneiros estavam sempre indo e vindo, mas eu estava em por um longo tempo. Em um determinado momento, eu teria acesso direto com mais de dez pessoas importantes que eu estava discipulando diária e que eu considerei ser meu “grupo de células.” Esses novos convertidos eram a única maneira que eu poderia esquecer o sofrimento que eu estava passando por na prisão.

Estas eram pessoas que eu nunca poderia ter conhecido fora da prisão. Eles eram muito altos na sociedade. Mas na prisão foi fácil pregar Jesus para eles, e era fácil para eles para receber o Senhor. Era muito mais fácil para eles para receber a Cristo do que teria sido fora. Depois disso, eles foram felizes. Eles ficaram felizes que o Senhor os amou o suficiente para mandar para eles irem para a prisão de ouvir sobre ele. O dia em que deixou a prisão, uma parte de mim estava triste porque eu não queria deixar esses novos irmãos. Todos eles acenaram para mim como eu saí.

Então você vê, eu estou feliz que você e outros tentaram arranjar para a minha libertação. Mas de uma forma, estou feliz que você falhou. Você quase cometeu um grande erro! Se você tivesse sido bem sucedida, não haveria igreja em que a prisão hoje. Havia 5.000 homens na prisão comigo. Em breve todas elas ouvirão as boas novas de Jesus.

Você tinha uma Bíblia enquanto você estava na prisão?

Não, e isso foi muito incomum que eles iriam fazer isso, e muito difícil para mim. É contra a lei para eles a retirada de um livro religioso de um prisioneiro. Pedi uma Bíblia muitas vezes, mas os funcionários sempre se recusaram a me dar uma.

Tenho uma questão pessoal. É claro que você sabe o meu filhos viajam frequentemente e estou longe da minha família e às vezes se preocupar com o efeito que isso terá sobre eles. For muito de sua vida, você não foi com seus dois filhos, mas ambos servem ao Senhor e agora estão trabalhando em ministérios significativos, na verdade, arriscando suas próprias conselho lives. O que você tem para um pai?

Primeiro, tente seu melhor para passar tempo com eles, tanto quanto você puder. Isso é importante e é de sua responsabilidade. Então, durante esses momentos você deve estar longe, você deve orar por eles. Você deve colocá-los completamente nas mãos de Deus. Lembre-se, ele vai cuidar melhor deles do que você pode. Finalmente, lembre-se sempre que a Palavra de Deus nos promete que os filhos dos justos será como a árvore de carvalho nas mãos do Senhor.

Eu passei muito tempo na prisão, mas as crianças sabem por que seu pai está sendo mantido na prisão. Que ensinamos nossos filhos que este estilo de vida é o nosso dever. Quando ensinamos, nós colocamos mais foco, mais ênfase na vontade de Deus e sobre a posição que ele tem dado a nós. Deus quer que façamos uma grande coisa para ele. Todos os que são chamados ao ministério são pessoas diferentes. Nós não somos como as outras pessoas. O mundo não nos compreende. Mas nossas vidas e nossa vocação é uma coisa preciosa aos olhos de Deus.

Sei que muitos pastores estrangeiros dizem que devemos colocar a família em primeiro lugar. Eu não concordo com essa filosofia. Deus é o número um. Deus e sua vontade deve ser sempre o primeiro em nossas vidas. Depois disso, ele vai cuidar de todas as outras coisas.

Pergunta: O que você diria aos pastores no Ocidente se você tivesse a oportunidade?

Em primeiro lugar gostaria de agradecer muitas vezes para toda a ajuda que têm dado à igreja chinesa por tantos anos e também para as orações que eles oraram por mim enquanto eu estava na prisão.

Em seguida, eu quero encorajar a igreja do Ocidente para não se esquecer da igreja chinesa. Atender às necessidades que ainda temos. Nós precisamos de você. Precisamos de seu amor e sua parceria. Por favor não se esqueça de nós.

Em terceiro lugar, quero lembrar a igreja ocidental, que existe na China grande fruto que pode ser visto que é um resultado direto do trabalho que o Ocidente tem trabalhado para nós. Seu ministério para a igreja chinesa mudou esta nação! Em breve haverá uma grande abertura na China. Os amigos no Ocidente podem sentir que têm tido sucesso em ajudar a China a ouvir o evangelho. Nós, a Igreja chinesa, foram apanhados desprevenidos e despreparados.

Recentemente, os funcionários do governo provincial de Henan ter feito uma declaração de que cada aldeia deve ter uma igreja. Essas igrejas não precisam de ser possuído pelo Movimento Patriótico da Tríplice Autonomia (a igreja de propriedade do governo). O governo nos disse que vai registrar e aprovar nossa terra e nossos edifícios. Agora podemos começar a construir igrejas reais, mas não sabemos como começar. Somos completamente esmagados. Sentimo-nos muito estranho nisso. Estamos completamente em uma perda de saber como lidar com essa coisa que nunca aconteceu antes. O governo quer que a gente rapidamente encontrar lugares para construir igrejas. Nós não temos nenhum plano para isso. Por favor, orem por nós e nos ajude se puder.

Tradução: Daniel Fernando Ribeiro César

Fonte: Contactos VOM & Via unidosnafe.com.br

Facebook Comentarios

Deixe uma Resposta

Seu endereo de email no vai ser publicado. Campos marcados so obrigatorios *

*