Deus não se deixa escarnecer

Deus não se deixa escarnecer

Sob o título de “A Primeira Tentação de Cristo”, a Netflix lançou recentemente filme produzido pelo Porta dos Fundos. O enredo sugere abertamente relação homossexual entre Jesus e Satanás, além de inserir Deus, Maria e José pertencentes a um tórrido triângulo amoroso, o que, por si só, é moralmente condenável e absolutamente repugnante. Como se não bastasse, o roteiro apresenta também Jesus fazendo uso de chá alucinógeno e questiona-se quanto sua própria missão na terra.

Como cristã repudio veementemente essa infâmia travestida de produção cinematográfica, pois nada mais é que declarada abominação e blasfêmia. Embora eu tenha plena convicção sobre a misericórdia divina, onde Jesus Cristo põe Fábio Porchat e os demais como motivo da piedade redentora, mas o mesmo Deus perdoador, a quem não poupou o santo Jesus para padecer em nosso lugar na cruz, não tolera escárnio contra a Sua inquestionável pureza. Conforme o mal avança no mundo, mais os cristãos são alvos contínuos de opressores a quem esses corações rejeitam, ou seja, repudiam a graça de Deus. Na realidade, essas pessoas fazem conscientemente a fim de atacar o cristianismo.

Todos os membros que compõem o Porta dos Fundos já ultrapassaram dos limites há muito tempo, agem deliberadamente contra a verdade cristã de forma acintosa. Eles alegam liberdade criativa, sustentam indecoroso e debochado argumento de produzirem arte e entretenimento. Mas não há graça nenhuma nisso. Como rir de uma produção imunda feito essa? Eles pertencem a um grupo que aprecia reafirmar tolerância pacífica, contudo, são os primeiros a tripudiar ao destilarem ódio e zombaria para com as Sagradas Escrituras, a Bíblia. Senão bastasse isso, essa companhia de humor sórdido tem cometido repetidamente crime de vilipêndio contra fé. O que esse grupo fez e faz, nunca foi e jamais será liberdade de expressão. Antes pelo contrário, trata-se de crime e deve ser punido com o rigor da lei.

Em meio às sucessivas tentativas de profanar a santidade incorruptível do Rei Jesus, todos os cristãos têm que avançar na propagação da verdade eterna. Mesmo diante de malignos atos vindos de escarnecedores do cristianismo, minha alma constata com total júbilo o maior desfecho que está prestes a acontecer no grande dia da ira de Cristo, quando toda humanidade verá o Rei Jesus, com poder e grande glória, nas nuvens dos céus. Ninguém será tomado por inocente. Sendo assim, cabe aos servos guardar o único tesouro, a presença gloriosa de Cristo. Aí de quem zombar do Alfa e Ômega. Deus é abundante em graça salvadora, mas as bases que fundamentam o Reino Celestial, são juízo e justiça. Quem subsistirá na vinda de Cristo?

Assim bradou o apóstolo João ao contemplar no céu a revelação santa do Rei Jesus.

“Eu, João, que também sou vosso irmão, e companheiro na aflição, e no reino, e paciência de Jesus Cristo, estava na ilha chamada Patmos, por causa da palavra de Deus, e pelo testemunho de Jesus Cristo. Eu fui arrebatado no Espírito no dia do Senhor, e ouvi detrás de mim uma grande voz, como de trombeta, que dizia: Eu sou o Alfa e o Ômega, o primeiro e o derradeiro; e o que vês, escreve-o num livro, e envia-o às sete igrejas que estão na Ásia: a Éfeso, e a Esmirna, e a Pérgamo, e a Tiatira, e a Sardes, e a Filadélfia, e a Laodicéia.

E virei-me para ver quem falava comigo. E, virando-me, vi sete castiçais de ouro; E no meio dos sete castiçais um semelhante ao Filho do homem, vestido até aos pés de uma roupa comprida, e cingido pelos peitos com um cinto de ouro. E a sua cabeça e cabelos eram brancos como lã branca, como a neve, e os seus olhos como chama de fogo; E os seus pés, semelhantes a latão reluzente, como se tivessem sido refinados numa fornalha, e a sua voz como a voz de muitas águas. E ele tinha na sua destra sete estrelas; e da sua boca saía uma aguda espada de dois fios; e o seu rosto era como o sol, quando na sua força resplandece. E eu, quando o vi, caí a seus pés como morto; e ele pôs sobre mim a sua destra, dizendo-me: Não temas; Eu sou o primeiro e o último; E o que vivo e fui morto, mas eis aqui estou vivo para todo o sempre. Amém. E tenho as chaves da morte e do inferno”. Apocalipse 1: 9-18

“Vi o céu aberto e diante de mim um cavalo branco, cujo cavaleiro se chama Fiel e Verdadeiro. Ele julga e guerreia com justiça. Seus olhos são como chamas de fogo, e em sua cabeça há muitas coroas e um nome que só ele conhece, e ninguém mais. Está vestido com um manto tingido de sangue, e o seu nome é Palavra de Deus. Os exércitos do céu o seguiam, vestidos de linho fino, branco e puro, e montados em cavalos brancos. De sua boca sai uma espada afiada, com a qual ferirá as nações. Ele as governará com cetro de ferro. Ele pisa o lagar do vinho do furor da ira do Deus todo-poderoso. Em seu manto e em sua coxa está escrito este nome: REI DOS REIS E SENHOR DOS SENHORES”. Apocalipse 19: 11-16

“Não erreis: Deus não se deixa escarnecer; porque tudo o que o homem semear, isso também ceifará. Porque o que semeia na sua carne, da carne ceifará a corrupção; mas o que semeia no Espírito, do Espírito ceifará a vida eterna”. Gálatas 6: 7-8

Bárbara Rebouças

Facebook Comentarios

Check Also

O autor e doador da vida veio até nós – Bárbara Rebouças

O autor e doador da vida veio até nós Em todo o mundo decorações coloridas …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *