De mulher para mulher – Oração e Fé – Sonia César

a-mulher-cananeia

Eu gostaria de um minuto da sua atenção. Eu não sei o momento que você está passando agora, mas de uma coisa eu tenho certeza,você está muito longe do fim. Muito pelo contrário, você agora está pronta para um novo recomeço. Você deve estar se perguntando quem sou eu, para falar dessa forma, eu não conheço você, não conheço seus problemas e não conheço seu sofrimento,porém eu quero te dizer que assim como você, eu conheço muitas mulheres na Bíblia que também sofreram, foram humilhadas, também tiveram muitos problemas, estiveram a beira da morte, estiveram a beira do fim, estiveram sem nenhuma esperança, no fundo, no fundo, no fundo, no mais profundo fundo do poço.

 

Ruth por exemplo, tinha uma boa família, tinha um casamento sólido, vinha de uma família farta, de uma sogra boa, e eis que de repente, não mais que de repente o seu sogro morreu de uma doença. Logo após a morte de seu sogro morreram também seu cunhado e seu amantíssimo esposo e agora estava só numa terra onde as mulheres sequer eram contadas. Sua sogra, uma mulher muito sábia, lhe disse: Volte para o seu povo, refaça sua vida, não há nada mais para você aqui. Agora sem esperanças, sem ter para onde ir, sem ter para onde retornar, o que fazer? A vida agora era vazia, sem ter de onde tirar o sustento, sem ninguém por ela. 

 

Encheu o peito de coragem e respondeu para esta sogra, que era a única pessoa que lhe restara: O seu Deus é o meu Deus. Aonde pousares tu, pousarei eu (Rute 1:16). Imagina quanta dificuldade ela não iria passar. Ela e uma sogra velha, nossa, o que esperar pela frente., mal sabia ela que ainda havia muito para sofrer. Qual o quê? Se agarrou na esperança e partiu para a terra de sua sogra.

 

Lá, não desistiu, batalhou, se arrastou, se humilhou mas a sua sorte foi mudada. Um conselho sábio de sua sogra, a sua fidelidade e obediência e a perseverança em Deus. O quadro foi mudado. Casou-se novamente, teve outros filhos, teve a sua sorte e a sorte de sua sogra completamente mudada, unicamente, e exclusivamente porque creu num único e suficiente Senhor e Salvador que pode mudar o quadro.

 

Voce se lembra de Ester, quem era Ester, senão uma criança sem pai e nem mãe, pois eles haviam morrido na guerra e agora a menina estava sendo criada por seu tio, imagine sua tristeza ter perdido os pai de uma vez só, como se isso não bastasse, em sua mocidade estava agora sendo recrutada para o haren do rei, que sorte amarga (Ester 2:12). Sorte esta, que fora mudada, porque acreditava no Deus da redenção e mesmo diante de uma sorte cruel e ingrata não abriu mão de sua fé, foi obstinada e obediente, com muita oração e fé, mudou-se o quadro  e com isso se tornou nada mais, nada menos que a própria mulher do rei a quem este agora amava e não é só isso, achou graça diante de seu rei e com a poderosa unção do Senhor sobre sua vida deu livramento ao seu povo inteiro.

 

O Deus do impossível está olhando por mim, está olhando por você, como olhou por Ruth, como olhou por Naomi, é o Deus de ontem, é o Deus de hoje, é o Deus de amanhã, é o Deus de milagre, é o Deus que muda o quadro, que traz a existencia aquilo que ainda não existe, precisamos acreditar na vitória, precisamos ter fé ainda que a situação seja a mais baixa, a mais vil, a mais torpe. O Senhor Deus tira da lama e faz vaso novo, o Senhor Deus tira a miséria e traz abundância. O Senhor Deus tira do pecado e traz restauração. Precisamos acreditar na palavra de Deus, que diz que Deus restaura, restaura o casamento, restaura os filhos perdidos na droga, no mundo, restaura o vício, Deus restaura as nossas vidas, precisamos dar um brado e clamar como clamou Ana de Eucana (1 Sa 1:11), e mesmo estéril gerou filhos. Precisamos clamar ao Deus de Abraão que mesmo na velhice e com Sarah já não tendo mais o costume das mulheres e estéril, gerou filhos e Abraão foi o pai de nações (Gn 12.1-3).

 

Precisamos entender que o Deus que deu ordem para que removessem a pedra e que chamou Lázaro para fora (joão 11-39), é o Deus que remove a nossa pedra, que despedaça o nosso problema, e que nos dá vida, e vida em abundância. O seu problema não é maior que o seu Deus. Creia, ore, jejue, tenha fé, liberte-se, nós somos limitados, mas Deus não é limitado, Deus está além do nosso pecado, da nossa fraqueza, do nosso fragelo.

Ei Mulher, Dê um brado de vitória na sua vida. Agarre a sua benção como fez Agar (Gênesis 21.16-18), que apesar de ter sofrido, de ter passado pelo deserto, Deus a abençoou e a Ismael fez principe. Ei mulher, Dê um brado de vitória, clame a Deus em voz alta. Chore, mas não se entregue a derrota, antes creia e creia com fé, e creia com garra, e clame a Deus, porque ele atende a sua petição e muda seu quadro, ouve o seu clamor, e te livra do seu sofrimento.

 

Você mulher, eu quero declarar agora a vitória sobre sua vida, em nome do Senhor Jesus, creia se agarre na sua vitória, tome posse da sua benção e não largue o anjo,lute com ele, receba a sua vitória, assim como Jacó (Gênesis.32:22 a 32) tomou posse da sua vitória, assim como as mulheres da Bíblia tomaram posse da sua vitória, tome posse agora de sua vitória, em nome de Jesus, não abra mão da sua fé, da constante oração, do Deus da vitória, que dá vida e muda nossa sorte.

 

Por: Sônia César

Facebook Comentarios

Check Also

Inabalável confiança – Bárbara Rebouças

Inabalável confiança Há um remédio curador, bálsamo imprescindível, fonte inesgotável que nos concede o caminho …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *